Compartilhar share

OFICINA VIRTUAL DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS – Edital Elisabete Anderle - Exclusivo para os municípios da Amauc -

Publicado em 20/08/2021 às 14:16 - Atualizado em 31/08/2021 às 15:04

OFICINA VIRTUAL DE ELABORAÇÃO DE PROJETOS – Edital Elisabete Anderle 

EXCLUSIVO PARA MUNICÍPIOS DA AMAUC (Alto Bela Vista, Arabutã, Concórdia, Ipira, Ipumirim, Irani, Itá, Jaborá, Lindóia do Sul, Peritiba, Piratuba, Presidente Castello Branco, Seara e Xavantina)

Inscrições gratuitas de:  20 de agosto a 27 de agosto de 2021

Plataforma ZOOM Amauc - Link será enviado no dia 30 de agosto, pelo número de whatsapp cadastrado na inscrição.

Quando?

Dia: 31 de agosto de 2021

Horário: 17h30min às 19h30min

O quê?

Falar de projeto é abordar uma ferramenta de trabalho que expressa e demanda argumentação, colaboração, compromisso e comunicação. O exercício de elaboração projetos no campo das artes e da cultura é, como todo processo técnico, um exercício de compreensão de suas especificidades, procurando gerar um texto que seja compreensível em vários contextos e de várias ópticas diferentes. Aqueles que desejam atuar como empreendedores criativos, precisam aprimorar conhecimentos, adquirir habilidades e serem capazes de tomar atitudes que deem sentido aos objetivos pessoais e do coletivo em prol de uma sociedade mais justa, inclusiva e criativa. Para isso, deve investir na aprendizagem criando condições técnicas de compartilhamento de ideias. É nesse momento que saber modelar um projeto que seja claro, objetivo e realizável, passível de avaliação e monitoramento por aqueles que serão beneficiados ou por seus apoiadores, torna-se tarefa prioritária no mercado cultural.

Para quê?

O Edital Elisabete Anderle de Incentivo à Cultura está com inscrições abertas para todo o Estado de Santa Catarina e é nesse momento que devemos nos apropriar destes mecanismos de fomento às artes e à cultura apresentando projetos com força de aprovação já que o edital oferece perspectivas de contemplação regional.

Para quem?

Gestores culturais públicos e privados, Artistas, produtores culturais e Agentes de cultura e artes

Com quem?

Bia Mattar: Bailarina , professora e coreógrafa. Produtora Cultural. Proprietária do Escritório de Projetos da Economia Criativa. Técnica em Processamento de dados. Graduação em Gestão Pública. Pós-graduanda em Economia Criativa, Cultura e Inovação na UNIVALI em Itajaí  e Pós- graduanda em Linguagem e Poética da Dança na FURB em Blumenau. Consultora de Projetos e Presidente da APRODANÇA- Associação Profissional de Dança de SC. Em 2017 recebeu a medalha de mérito cultural Cruz e Sousa por sua contribuição à cultura do Estado e em 2020 lançou o Livro História do Sapateado no Brasil com o prêmio Elisabete Anderle da Fundação Catarinense de Cultura. Foi membro de colegiados municipais, estadual e nacional.